top of page
Faixa blog livros.png
Buscar

A seca impulsa o reuso de água

A escassez de água de tempos em tempos traz ao debate um tema que gera muita discussão: Quais os limites do reúso de água. Em regiões com grande estresse hídrico como a Califórnia nos EUA, o reúso indireto já é praticado desde o século XIX, quando agricultores utilizavam o esgoto sanitário para alimentar suas culturas. A partir dos anos 40, o esgoto então foi sendo tratado e realizado o reuso indireto planejado, que ocorre quando o efluente tratado é lançado próximo a fonte de captação ou no lençol freático. Na figura abaixo, mostramos a diferença básica entre o reúso direto e indireto. No Brasil o reúso direto para potabilização ainda não é permitido, e na Califórnia são vários os projetos que tentam viabilizar o reúso direto, o que por lá tem o apelido “da privada para torneira” (toilet-to-tap). Há muito ainda que debater e pesquisar sobre os efeitos a longo prazo na qualidade da água potável utilizando reúso direto, mas o que se sabe é que o processo de ultrafiltração é uma das principais tecnologias quando o assunto é reúso.


Quer saber mais sobre este sistema aplicado ao reúso? Aproveite e faça o curso Ultrafiltração para Tratamento de Água e Reúso: https://hotm.art/9BugPH




Conhece o nosso telegram? lnkd.in/dPySkns

Post adaptado da matéria de: https://lnkd.in/e5SUkeN5


6 visualizações0 comentário

Comments


1.png
2.png
4.png
5.png

Consultoria em Redução de Custos e Reúso Agrícola de Lodos

bottom of page