top of page
Faixa blog livros.png
Buscar

Cloro residual livre e a sua relação com o pH

Um dos principais parâmetros medidos nas estações de tratamento de água e em diversos processos industriais é o cloro residual livre. O cloro é utilizado para oxidação de compostos, sendo a inativação de microrganismos na água uma das suas principais funções.


O cloro livre em água está quase sempre em duas formas: o ácido hipocloroso (HClO) e o íon hipoclorito (ClO-). As duas formas possuem forças de oxidação diferentes, sendo o ácido hipocloroso mais eficaz na inativação dos microrganismos.


E como quase todos os processos envolvendo equilíbrio em água, o fator que determina a quantidade de cada forma é o pH. Na imagem é mostrado um gráfico da concentração das duas substâncias em relação ao pH, considerando distintas temperaturas.

Pode-se concluir que para uma mesma concentração de cloro livre, um pH mais baixo favorece a ação oxidativa e de redução de patógenos. A uma temperatura de 20ºC, com um pH 7,3 existe exatamente 50% de cada uma das espécies em equilíbrio.


O cloro livre pode ser medido através de um teste colorimétrico em laboratório ou em campo. Porém, também podem ser medidos através de analisadores on-line.


Os analisadores on-line desempenham um papel fundamental nas estações de tratamento, pois fornecem informações em tempo real sobre os parâmetros de monitoramento da água, permitindo um melhor controle dos processos e garantindo o atendimento aos padrões de qualidade exigidos. Além disso, são essenciais para a otimização de processos e redução dos custos operacionais das estações.


A Apply Válvulas e Instrumentação fornece analisadores on-line de cloro, pH, ORP, condutividade, turbidez e oxigênio dissolvido. Saiba mais em: https://apply.ind.br/



75 visualizações0 comentário

Comments


1.png
2.png
4.png
5.png

Consultoria em Redução de Custos e Reúso Agrícola de Lodos

bottom of page